Inauguração da ETA Mauro Borges marca aniversário de 50 anos da Saneago

Mais de duas mil pessoas acompanharam, na manhã de ontem (19), a inauguração da terceira etapa do Sistema Produtor Mauro Borges, a nova Estação de Tratamento de Água (ETA). Com a presença do governador de Goiás, Marconi Perillo, e do prefeito de Goiânia, Iris Rezende, o presidente da empresa estadual, Saneamento de Goiás S.A. (Saneago), Jalles Fontoura, declarou oficialmente o início da operação do complexo que vai garantir o abastecimento de água para a Capital e a Região Metropolitana até o ano 2040.

Durante a solenidade, que começou com visita técnica às instalações da ETA, houve descerramento de placa e homenagem a autoridades e ex-dirigentes da Saneago que contribuíram para a idealização e o desenvolvimento da obra. “O Sistema Produtor Mauro Borges veio no momento exato e o planejamento estratégico teve um papel decisivo nisso”, afirmou o presidente da Companhia, Jalles Fontoura.

Marconi Perillo relembrou todo o processo de articulação para a viabilização do projeto desde o ano 1999 e destacou, ainda, que o complexo eterniza a memória do ex-governador Mauro Borges. “É uma das maiores obras de tratamento de água de todos os tempos”, ressaltou ele, ao pontuar que o sistema foi planejado com possibilidade de expansão prevista para suprir as novas demandas que venham a surgir.

Na ocasião, o vice-governador José Eliton declarou que a importância da obra reside no fato de que, “além de abastecer, ela é carregada de conceitos, como preservação ambiental e crescimento sustentável”. Já o prefeito Iris Rezende foi enfático ao agradecer o governador Marconi Perillo pela “visão extraordinária” de investir nessa iniciativa. O secretário da Secima, Vilmar Rocha, por sua vez, caracterizou o projeto como “vitorioso”.

O lançamento foi uma das comemorações pelo aniversário de 50 anos da Saneago, fundada em 13 de setembro de 1967. Embora a solenidade oficial tenha ocorrido nesta terça-feira, o complexo já estava em operação desde o último dia 9 de setembro, quando a produção de mil litros de água por segundo foi antecipada para complementar a vazão de atendimento à população da Região Metropolitana e minimizar os efeitos decorrentes do período de estiagem.

Além das personalidades mencionadas, também marcaram presença no evento o presidente da Caixa Econômica Federal, Gilberto Occhi; o presidente da Fieg, Pedro Alves de Oliveira; a secretária Cidadã, Lêda Borges; os diretores da Saneago, de Expansão, Juliana Matos, de Produção, Marco Túlio de Moura, de Gestão Corporativa, Marcelo Mesquita, e de Relação com Investidores, Elie Chidiac; entre várias outras autoridades e funcionários da Companhia.

Etapas da obra

As obras do Sistema Produtor Mauro Borges foram realizadas em três etapas. A primeira, iniciada em 2002, foi a construção da Barragem do Ribeirão João Leite, que proporciona o armazenamento de 130 bilhões de litros de água, numa área inundada de 1.040 hectares. A segunda etapa consiste em uma Estação Elevatória de Água Bruta que é referência em sustentabilidade e garantiu à Saneago premiações nos quesitos inovação tecnológica e eficiência energética no saneamento. A terceira etapa, por fim, foi a Estação de Tratamento de Água, entregue hoje à população. Uma das mais modernas da América Latina, ela já começa a fornecer água para grande parte da Região Norte de Goiânia, abrangendo de imediato mais de 90 bairros.

Compartilhe

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on linkedin
Share on telegram

Confira também nossas publicações

Veja todas nossas
edições anteriores