Ministro destaca que Roraima está acima da média brasileira em saneamento básico

Durante visita à Boa Vista (RR), o ministro das Cidades, Alexandre Baldy, destacou o trabalho realizado pela governadora Suely Campos para expandir a rede de esgotamento sanitário na capital do Estado e disse que Roraima está acima da média nacional de domicílios atendidos com saneamento básico.

“A Região Norte possui, em média, 20% de esgotamento sanitário e o Estado de Roraima se destaca, pois já possui 65%. Ao final do ano terá quatro vezes a média da região Norte e o dobro da média brasileira. Tudo isto porque a governadora Suely tem honrado a grande missão de universalizar o serviço sanitário para toda a população. Ela tem olhar diferenciado com o povo, o que a torna uma grande líder”, afirmou o ministro, durante o seu discurso.

Suely Campos aproveitou a presença do ministro, que é do seu partido, para pedir a liberação dos recursos necessários para concluir a última etapa do projeto de expansão, para levar o serviço os 7% da população que ainda não foram contemplados pelas obras em andamento. “Já apresentamos o projeto ao Ministério das Cidades e conto com a sensibilidade do ministro para atender esse pleito”, disse a governadora.

Alexandre Baldy garantiu que vai viabilizar os recursos para que Boa Vista atinja os 100% de cobertura de coleta e tratamento de esgoto. Atualmente, 65% dos domicílios boa-vistenses são atendidos pelo serviço. Quando chegou ao governo, em 2015, esse percentual era de apenas 45%. “Estamos realizando obras em várias partes da cidade e até o final do ano vamos atingir 93% das casas. Isso é muito importante porque o saneamento básico significa qualidade de vida para a população”, destacou a governadora.

Dos 55 bairros de Boa Vista, 41 são atendidos, sendo que 22 contam com 100% de rede, outros 19 são atendidos parcialmente e 11 estão recebendo obras. Com a inauguração da estação elevatória do Raiar do Sol, mais 2.500 domicílios passam a ser contemplados, beneficiando 8 mil pessoas.

Ao listar os benefícios que essa obra trás para a população, a governadora Suely Campos lembrou o simbolismo de inaugurar a estação justamente no Dia Mundial da Água, comemorado em todo o mundo nesta quinta-feira, 22. “É simbólico porque um dos grandes benefícios da coleta e tratamento do esgoto é a proteção ambiental aos recursos hídricos, evitando a poluição do lençol freático e da água, que, posteriormente, vai chegar à nossa casa. Aqui nessa região, serão desativadas 2.500 fossas que poderiam estar contaminando o meio ambiente”, pontuou.

Além disso, frisou que esse investimento melhora a saúde das pessoas, sobretudo das crianças. “A coleta e o tratamento do esgoto evitam a proliferação de doenças e reduz a mortalidade infantil. A cada dólar investido em saneamento, economiza quatro dólares em gastos com saúde. Então nosso governo tem trabalhado nessas duas frentes, de um lado melhorar a infraestrutura de saneamento e, por outro lado, inaugurando unidades de saúde, como o Hospital das Clínicas, que vamos entregar para a população neste sábado, com 120 leitos”, anunciou.

Thainá Andrade, 22, comemorou a entrega da obra. Ela e a mãe, a partir de agora, serão beneficiadas com a coleta e tratamento do esgoto residencial. “Antes, a gente penava muito com o uso da fossa na nossa casa. Hoje, não precisamos mais nos preocupar”, afirmou.

A visita do ministro Alexandre Baldy aconteceu no dia 22 de março, data em que comemora o Dia Mundial da Água.

 

AESBE - Associação Brasileira das Empresas Estaduais de Saneamento

SCS - Quadra 01 - Bloco H - Edifício Morro Vermelho - 16º andar - CEP: 70399-900 - Brasília-DF - Tel/Fax.: 55 61 3022-9600

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?