Ministro das Cidades sinaliza liberação de recursos para retomada da Barragem do Córrego Bandeirinha, em Goiás

O presidente da empresa Saneamento de Goiás (Saneago), Jalles Fontoura, e a diretora de Expansão, Juliana Matos, participaram, no último dia 20, de reunião no Ministério das Cidades, em Brasília (DF), para discutir a retomada das obras da Barragem do Córrego Bandeirinha, no município de Formosa.

Na ocasião, os representantes da Companhia apresentaram o projeto, bem como o orçamento detalhado, e enfatizaram que já existem licença ambiental e área desapropriada, estando pendentes apenas os recursos financeiros. Em contrapartida, o ministro das Cidades, Alexandre Baldy, sinalizou que o financiamento é plenamente possível, por meio do FGTS.

De acordo com ele, a única condicionante para o fechamento do convênio, de cerca de R$ 100 milhões, seria a assinatura do Contrato de Programa entre a Saneago e a Prefeitura de Formosa. Isso porque o atual Contrato de Concessão tem vencimento em 2025, prazo que é considerando insuficiente para a obtenção de recursos por meio de financiamentos.

O presidente da Saneago, Jalles Fontoura, ressaltou que a Barragem do Córrego Bandeirinha é “um sonho antigo de Formosa e representará a tranquilidade para o abastecimento de água do município nos próximos 30 anos”. Ele pontuou que o próximo passo será iniciar as tratativas para assinatura do Contrato de Programa, bem como elaboração do Plano Municipal de Saneamento Básico de Formosa, para a qual colocou a Companhia à disposição da Prefeitura.

A Barragem do Córrego Bandeirinha terá 440 metros de comprimento e acumulará volume de 6 milhões de metros cúbicos de água. A expectativa é que o complexo tenha capacidade de abastecer 138.729 habitantes, com uma vazão máxima de 308 litros por segundo. No entanto, é importante ressaltar que a vazão regularizada da barragem, garantida em 100% do tempo, será da ordem de 450 litros por segundo, o que vai assegurar, com projetos de ampliações futuras, o abastecimento a uma população de 200 mil habitantes.

Durante a reunião, também estiveram presentes o Superintendente Executivo de Desenvolvimento Regional (SED), Pedro Ivo, o empresário e ex-secretário de Indústria e Comércio, Marino Colpo, os técnicos da Regional da Saneago Formosa, Luiz Humberto e Lindemberg Magalhães.

 

AESBE - Associação Brasileira das Empresas Estaduais de Saneamento

SCS - Quadra 01 - Bloco H - Edifício Morro Vermelho - 16º andar - CEP: 70399-900 - Brasília-DF - Tel/Fax.: 55 61 3022-9600

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

Create Account