CASAN orienta motoristas e pedestres sobre obras de esgotamento sanitário em Piçarras

Nas últimas semanas e na próxima, as obras de implantação da rede coletora de esgoto em Balneário Piçarras estão sendo realizadas na Avenida Nereu Ramos e na Avenida Beira Rio, nas proximidades da Ponte Rio Piçarras.
Ponto de maior concentração comercial da cidade e local de grande fluxo de veículos e pedestres, a região merece a atenção redobrada de todos durante os trabalhos.
Para garantir a segurança, o local está devidamente sinalizado, indicando desvios e rotas alternativas. “Pedimos que respeitem as delimitações de segurança demarcadas por nossas equipes. Nosso foco é zelar pela segurança da comunidade e de todos os trabalhadores envolvidos na obra”, explica o  engenheiro da CASAN, Artur Marcondes de Mattos Linsmeyer, um dos responsáveis pela fiscalização dos trabalhos.
As obras na Avenida Nereu Ramos estavam programadas para o final do ano passado, mas um acordo firmado entre CASAN e Prefeitura transferiu o cronograma para abril e maio, para não gerar transtornos durante a alta temporada.
Conforme o último relatório, atualizado no dia 25 deste mês, já foram concluídos 30.881,37 metros de rede coletora. O índice representa cerca de 93% do trabalho. Além disso, 2.421,43 metros de emissários foram implantados (63%) e 2,323 ligações domiciliares, concluídas. A rede já foi implantada em 115 ruas da cidade.
Estação de Tratamento de Esgoto
As obras da (ETE) Estação de Tratamento de Esgoto de Balneário Piçarras estão em fase inicial. Na última semana os trabalhos foram direcionados para a limpeza da camada vegetal, implantação do colchão drenante e o estaqueamento para ensaio de PDA (Prova de Carga Dinâmica). A ETE está sendo construída no bairro Santo Antônio, às margens da BR-101.
A CASAN reitera que os moradores não devem conectar o esgoto doméstico à rede coletora sem autorização prévia da concessionária. Para que o esgoto doméstico seja devidamente coletado e tratado, todo o sistema de esgotamento sanitário (SES) deverá estar pronto. Uma eventual interligação neste momento traria prejuízos à qualidade de vida e ao ambiente da região, prejudicando inclusive a balneabilidade das praias.

Fonte: Assessoria de Comunicação Casan

 

AESBE - Associação Brasileira das Empresas Estaduais de Saneamento

SCS - Quadra 01 - Bloco H - Edifício Morro Vermelho - 16º andar - CEP: 70399-900 - Brasília-DF - Tel/Fax.: 55 61 3022-9600

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

Create Account