Sanesul entrega R$ 1,2 milhões em obras de saneamento para Miranda

Portal EmfoqueMS

08/07/2021

Por Lúcio Borges

Com a conclusão de obras de esgotamento sanitário em Miranda, o diretor presidente da Sanesul fez a entrega para a comunidade na manhã desta quinta-feira, 8 de julho.

Na presença do prefeito Fábio Santos Florença, vereadores, demais autoridades municipais e funcionários, Walter Carneiro Jr. também confirmou que no planejamento deste ano estão previstos mais R$ 12,9 milhões em obras de esgotamento que irão beneficiar toda a cidade.

“Iniciamos em Miranda a nossa agenda de entregas de obras. A Sanesul tem mais de 100 obras para entregar em MS. Esses últimos 3 anos foram intensos para que a empresa conseguisse recursos para todos os projetos de saneamento. O objetivo do governo do estado é a universalização e estamos realizando, ampliando os sistemas e levando a rede de coleta para todos os bairros, gerando assim qualidade de vida, desenvolvimento das cidades e contribuindo com melhores condições de saúde pública”, disse o diretor presidente.

Saneamento básico equivale a uma melhora do índice de desenvolvimento humano, altos índices de escolaridade, aperfeiçoamento da saúde pública, lembrando que a cada 1 real gasto em saneamento são  economizados 4 reais em saúde.

O gerente de comercial e de operações da Sanesul Onofre Assis de Souza também acompanhou as entregas, com funcionários e o gerente da Regional Aquidauana Danilo Pires do Espírito Santo.

Entrega de obras – hoje, a Sanesul entregou R$ 1.238.346,77 milhões em obras de esgotamento sanitário. São 4,7 km de rede coletora e 428 ligações domiciliares de esgoto executadas nos bairros Baiazinha e Carandá. O recurso também garantiu a construção de duas estações elevatórias de esgoto que auxiliam no transporte dos efluentes domésticos até a Estação de Tratamento de Esgoto – ETE. As elevatórias estão localizadas na rua Paschoal Bruno e rua São Paulo.

Mais recursos para o saneamento de Miranda:

Confirmado pelo diretor presidente, Miranda já tem garantidos mais R$ 12,9 milhões para ampliar a cobertura de esgotamento sanitário. O Projeto da estatal prevê construir mais 24.8km de rede coletora de esgoto, sete estações elevatórias, 1.200 ligações domiciliares de esgoto, e uma nova Estação de Tratamento de Esgoto – ETE com maior capacidade e mais moderna. A atual será desativada.

Mais uma vez, governo do estado e Sanesul vão melhorar a qualidade do tratamento. O recurso garantido tem origem no Programa Avançar Cidades, viabilizado pela Sanesul junto à Caixa Econômica Federal em 2020.

“É mais um benefício para a população Mirandense. É o projeto da universalização do saneamento sendo colocado em prática em MS”, conclui o diretor presidente da empresa.

Para o governo estadual, a união de esforços entre estado e municípios garante bons resultados. “Mesmo em um período de crise, continuamos com uma gestão municipalista, atendendo às demandas das prefeituras e empenhados para melhorar a qualidade de vida da nossa população. Vamos continuar trabalhando nos projetos de saneamento e concluir a universalização do esgotamento em MS. Isso vai melhorar a vida da nossa gente”, explicou Eduardo Riedel, secretário de infraestrutura de Mato Grosso do Sul.

Fonte: Ascom Sanesul

 

AESBE - Associação Brasileira das Empresas Estaduais de Saneamento

SCS - Quadra 01 - Bloco H - Edifício Morro Vermelho - 16º andar - CEP: 70399-900 - Brasília-DF - Tel/Fax.: 55 61 3022-9600

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?