Principais contaminantes da água

Portal Saneamento Básico
14/04/2021

Por Maurício

As fontes de água podem conter uma variedade de contaminantes que, em determinados níveis, podem afetar a qualidade final da água tratada, exigindo tecnologias específicas para lidar com esse problema. É muito importante ter uma boa análise para identificar os principais contaminantes da água– usando laboratórios certificados e confiáveis – considerando valores históricos, flutuações devido à sazonalidade e composição específica do fluxo de água.

Milhares de parâmetros podem ser analisados, mas é mais importante entender os requisitos específicos de qualidade e os principais contaminantes da água típicos esperados encontrados em determinados tipos de água e efluentes. 

Dependendo da aplicação, legislações específicas serão cruciais para definir a lista dos principais contaminantes da água a serem analisados, considerando possíveis efeitos negativos em processos industriais ou água potável. Encontre abaixo uma lista geral dos principais contaminantes encontrados em diferentes águas e efluentes:

  • Microrganismos e patógenos

Sua presença na água é muito comum, naturalmente ou introduzida por efluentes municipais ou efluentes lançados no meio ambiente. Os regulamentos sobre água potável são muito focados nos tipos de contaminantes que podem causar diferentes riscos à saúde: 

  • Bactérias
  • Cryptosporidium
  • Giardia
  • Algas
  • Vírus
  • Inorgânicos

Encontrados naturalmente no ambiente (solo, rochas, minerais) podem ser muito importantes para aplicações industriais, mas, em geral, podem causar efeitos negativos à água usada em vários processos industriais (corrosão, toxicidade, descamação). Além disso, são importantes para o controle da saúde pública:

  • Metais e semimetais:
  • Arsênico
  • Crômio
  • Chumbo
  • Ferro
  • Alumínio
  • Cobre
  • Mercúrio
  • Boro
  • Sílica
  • Manganês
  • Dureza
  • Nitrogênio (nitrato, amônia, nitrogênio orgânico)
  • Fluoreto
  • Sulfato
  • Orgânicos

Esta categoria possui a lista mais complexa e ampla de contaminantes. Naturais ou produzidos por atividades industriais, os orgânicos podem ser prejudiciais à saúde e reduzir a eficiência de processos industriais.

  • Matéria orgânica natural
  • Produtos químicos e subprodutos industriais

Cada ano, milhares de novas moléculas são desenvolvidas e introduzidas no mercado. Essa situação aumenta a preocupação com uma nova classe de contaminantes, diferente dos principais contaminantes listados acima, chamados de contaminantes emergentes. Esses tipos de moléculas, como produtos microplásticos, produtos farmacêuticos, produtos de higiene pessoal e agroquímicos estão sendo detectados em níveis extremamente baixos nas águas do mundo todo, mas já causando efeitos negativos. Estudos reais e futuros precisam focar na redução da liberação dessas moléculas e maneiras criativas de tratar e reutilizar a água em uma economia circular. Os impactos ambientais são muito significativos, novas tecnologias precisam ser preparadas para lidar com situações complexas e difíceis de contaminação da água.

 

AESBE - Associação Brasileira das Empresas Estaduais de Saneamento

SCS - Quadra 01 - Bloco H - Edifício Morro Vermelho - 16º andar - CEP: 70399-900 - Brasília-DF - Tel/Fax.: 55 61 3022-9600

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?