Presidente da Corsan defende qualidade e transparência de serviços públicos em encontro de jornais, no RS

Por Assessoria de Comunicação da Corsan

 16/07/2019 às 10h52min

Presidente da Corsan defende qualidade e transparência de serviços públicos em encontro de jornais. Foto: Corsan

O diretor-presidente da Companhia Riograndense de Saneamento (Corsan), Roberto Barbuti, palestrou em reunião-almoço da Associação dos Diários do Interior do RS (ADI), nesta segunda-feira (15). O gestor fez uma explanação sobre os principais projetos e desafios da empresa, destacando a importância de se comunicar as informações de interesse público. O encontro ocorreu no Hotel Plaza São Rafael, em Porto Alegre.

Barbuti ressaltou a necessidade de que a população atendida tenha efetivo conhecimento sobre os benefícios do atendimento prestado. “A concessão dos serviços se dá forma contratual, porém a sustentabilidade de uma empresa depende da licença social para operar – ou seja, o usuário final paga a tarifa e precisa ter a informação de como esse pagamento retorna em serviços de qualidade. Por isso, a nossa estratégia precisa estar voltada a agregar valor ao consumidor, que é quem sustenta a empresa”. O dirigente afirmou que, na relação com a sociedade, há fatores fundamentais, como a eficiência, a comunicação, a abertura às críticas construtivas, a parceria com a imprensa e a transparência.

Presidente da Corsan defende qualidade e transparência de serviços públicos em encontro de jornais. Foto: Corsan

Ao elencar as principais iniciativas da Companhia, Barbuti abordou a Parceria Público Privada (PPP) que vai universalizar o esgotamento sanitário em nove municípios da Região Metropolitana. “O Orçamento Geral da União, cujos recursos garantiram a realização de várias obras de saneamento, está escasseando. Diante disso, precisamos buscar outras fontes de financiamento. Uma delas é a PPP, que vai aumentar a nossa capacidade de execução e de investimento”. O presidente informou que a Companhia está planejando expandir o modelo de PPPs para outras regiões do Rio Grande do Sul.

Conforme Barbuti, a Companhia está priorizando ampliar a eficiência dos serviços, por meio de alternativas que incluam principalmente novas tecnologias. O dirigente salientou que, com o propósito de superar o déficit nos serviços de esgoto, a Corsan começou a atuar na limpeza de fossas sépticas individuais com a coleta e destinação para tratamento, tendo em conta que essa alternativa é considerada como uma das soluções adequadas para o esgotamento sanitário.

Durante o encontro, o diretor Financeiro e de Relações com Investidores, Jorge Melo, disse que a Companhia está evoluindo junto com a sociedade. “Estamos num novo tempo, em que as comunidades e a própria Corsan estão cada vez mais exigentes. A empresa está se repaginando para fazer frente aos novos desafios”. A reunião foi conduzida pelo presidente da ADI, Eládio Dios Vieira da Cunha, e contou com a presença do diretor de Inovação, Relacionamento e Sustentabilidade, Jean Carlo Bordin, da Chefe de Gabinete, Eroni Lago, e de representantes de jornais do Interior do Estado.

 

AESBE - Associação Brasileira das Empresas Estaduais de Saneamento

SCS - Quadra 01 - Bloco H - Edifício Morro Vermelho - 16º andar - CEP: 70399-900 - Brasília-DF - Tel/Fax.: 55 61 3022-9600

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?