Governo tentar acordo sobre vetos presidenciais, mas esbarra em falta de consenso

Valor Econômico
19/10/2020

Por Renan Truffi e Vandson Lima

O líder do governo no Congresso, Eduardo Gomes (MDB-TO), trabalha para viabilizar uma nova sessão para apreciação dos vetos presidenciais, dispositivos que estão pendentes de análise há alguns meses. A ideia é aproveitar o “esforço concentrado” no Senado para marcar uma nova deliberação sobre temas como desoneração da folha de pagamento, marco legal do saneamento e pacote anticrime. Apesar da nova tentativa, Gomes tem esbarrado na falta de consenso mais uma vez.

“Seria [uma sessão] com tudo mesmo, inclusive os PLNs [Projetos de Lei do Congresso Nacional]. Um amplo acordo [em torno dos vetos pendentes]. Não acredito que vai acontecer”, disse uma fonte pouco otimista.

A data sugerida por Gomes é quinta-feira, mas ele ainda precisa discutir o tema com o presidente do Congresso, Davi Alcolumbre (DEM-AP). A conversa sobre o assunto estava prevista para acontecer ainda hoje.

Desde julho, o governo tenta costurar um acordo para o veto à desoneração da folha de pagamento, que beneficia atualmente 17 setores da economia. Como mostrou o Valor há alguns dias, o ministro da Economia, Paulo Guedes, não desistiu da ideia de trocar a desoneração da folha de pagamentos por um imposto sobre transações. Segundo uma fonte, ele ainda tem como grande objetivo promover a redução de encargos sobre salários para baratear o custo do trabalho.

 

AESBE - Associação Brasileira das Empresas Estaduais de Saneamento

SCS - Quadra 01 - Bloco H - Edifício Morro Vermelho - 16º andar - CEP: 70399-900 - Brasília-DF - Tel/Fax.: 55 61 3022-9600

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?