Prefeitura adere ao Programa de Parceria e Investimentos do BNDES para Serviços de Saneamento Básico

Prefeitura Macapá
22/04/2021

Na tarde de quarta-feira (21), o prefeito de Macapá, Dr. Furlan, assinou o termo de adesão de Programa de Parcerias e Investimentos (PPI) do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), que levará saneamento básico à capital e seus distritos. A Prefeitura, em parceria com o Governo do Amapá e demais municípios, assinaram os termos do PPI para o Projeto de Concessão do Serviço de Abastecimento de Água e Esgotamento Sanitário no Estado do Amapá.

Durante seu discurso, o prefeito explicou a importância do acesso a saneamento básico. “O gasto com saneamento básico significa investir em saúde pública. De acordo com a Organização Mundial da Saúde, o gasto de R$1 real com saneamento equivale a R$ 4 reais investidos em saúde. Então é fundamental que Macapá, como capital, concretize essa parceria com o Governo e demais municípios”, ressaltou Dr. Furlan.

“Assinar esse termo de PPI é um grande passo e uma grande responsabilidade para com a população. Não obstante disto, vamos poder gerar emprego e movimentar a economia no período pós-pandemia com esses investimentos no saneamento da nossa capital. É um esforço conjunto entre os municípios e Estado que vai levar água tratada para a população”, finalizou o prefeito.

A adesão da Prefeitura de Macapá ao projeto de universalização da água e saneamento vai oportunizar que toda a capital possa receber as redes de esgoto e tratamento de água. O BNDES entrará com o aporte financeiro e de investimentos da iniciativa privada para a concessão de serviços. Com isso, localidades como o Arquipélago do Bailique vão receber sistema de saneamento básico.

Para o Senador Davi Alcolumbre (DEM), a participação do município de Macapá é fundamental, por se tratar da capital. “Agradeço à Macapá, aqui representada pelo prefeito Dr. Furlan, pois sem a capital não seria viável executar esse projeto. E a gestão municipal entendendo do seu papel fundamental no Estado do Amapá recebeu a proposta de braços abertos para garantir saneamento para a população de nosso estado”, finalizou o senador.

O diretor de Infraestrutura, Concessões e PPPs do BNDES, Fábio Abrahão, destacou a importância de dialogar com todos os prefeitos, e principalmente com o prefeito da capital, Macapá, por ser a maior cidade. “Queremos reforçar a importância de Macapá aderir ao projeto. Estamos concretizando isso, com a adesão de Macapá não vamos perder a janela de oportunidades e garantir os R$3 bilhões para investimentos nos próximos anos”, ressaltou.

Saneamento Básico para todos
O Projeto de Concessão do Serviço de Abastecimento de Água e Esgotamento Sanitário do Amapá, realizado em parceria com o BNDES, conta com a previsão de investimentos no valor total de R$3 bilhões para garantir saneamento básico para todos os 16 municípios. Com prazo de 35 anos para ser executado em sua totalidade, o projeto vai capitar investimentos e realizar a concessão dos serviços de água e esgoto para a iniciativa privada.

Lucas Costa
Secretaria Municipal de Comunicação Social

 

AESBE - Associação Brasileira das Empresas Estaduais de Saneamento

SCS - Quadra 01 - Bloco H - Edifício Morro Vermelho - 16º andar - CEP: 70399-900 - Brasília-DF - Tel/Fax.: 55 61 3022-9600

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?