Obras estão em andamento no Parque Centenário da Imigração Japonesa, no Paraná

Estão em andamento as obras no Parque Centenário da Imigração Japonesa, em Curitiba. O espaço será transformado pela Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar) em um polo irradiador de conhecimento e educação para a sustentabilidade. Nessa semana, teve início a limpeza dos lagos localizados na área, com a retirada de plantas macrófitas. Os trabalhos de reforma do prédio e de jardinagem também estão em ritmo acelerado. A previsão é a de que o Parque seja entregue à população nas próximas semanas.

“O Parque abrigará um conjunto de atividades para sensibilizar, mobilizar e promover a reflexão da sociedade sobre a problemática ambiental atual, a preservação dos recursos hídricos e o papel de cada cidadão neste cenário”, explicou o presidente da Sanepar, Mounir Chaowiche.

Os conceitos a serem abordados no espaço serão materializados no Memorial do Rio Iguaçu, a ser montado na parte superior do prédio. O Parque está localizado às margens do Rio Iguaçu, a poucos quilômetros de sua nascente. Aspectos históricos, de ocupação e potenciais das bacias do Alto, Médio e Baixo Iguaçu farão parte da exposição.

O espaço para ações socioambientais será aberto a toda população. Visitas pré-agendadas, especialmente voltadas aos alunos do ensino fundamental e médio, vão ocorrer de terça a sexta-feira, das 9h às 17h. Aos sábados e domingos, o espaço estará aberto à visitação espontânea de toda comunidade, com visitas mediadas em horários específicos no período em que ficar aberto ao público.

No local, estarão disponíveis ainda uma sala multimídia e um auditório para 120 pessoas. O objetivo é que sejam promovidos cursos de capacitação para a comunidade do entorno, além de palestras e eventos voltados à temática ambiental. Para promover a ocupação cidadã do espaço, a Sanepar terá apoio e parceria da Prefeitura de Curitiba e também da Associação Cultural e Beneficente Nipo-Brasileira de Curitiba (Nikkei Curitiba).

O presidente da entidade, Rui Hara, comemora o fato de que a entrega do Parque pela Sanepar e Prefeitura ocorra no ano da comemoração dos 110 anos da imigração. Segundo ele, a associação apoiará as atividades socioambientais e também será a responsável por promover e disseminar a cultura japonesa no local, por meio de oficinas, cursos e outras atividades. “Estamos comprometidos como projeto”, afirmou.

CONTEXTO AMBIENTAL – A Sanepar desenvolve desde 1990 ações de educação socioambiental com o intuito de contribuir para a formação uma consciência crítica, voltada para repensar as questões ambientais e os cuidados com o meio ambiente, em especial os cuidados com a água.

Em 2011, diante da revisão da política ambiental corporativa, a Sanepar assegurou seu compromisso de fortalecer os programas de educação socioambiental ampliando, assim, as parcerias e o público a ser atendido com a disseminação de valores e práticas sustentáveis no uso adequado dos recursos hídricos, no âmbito do saneamento ambiental.

Compartilhe

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on linkedin
Share on telegram

Confira também nossas publicações

Veja todas nossas
edições anteriores