CAEMA realiza seminário sobre acompanhamento de processos e gestão contratual

A Companhia de Saneamento Ambiental do Maranhão (CAEMA) reuniu, na última sexta-feira (24), diretores e técnicos de vários setores da empresa para tratar de melhorias e aprimoramentos internos para gestão de contratos e processos licitatórios. A ideia integra as atividades de um seminário organizado pela Unidade Especial de Planejamento e Políticas Públicas (UEP) da Companhia, sob o tema: “Seminário Gestão de Contratos- obras públicas”.

O seminário ocorreu na sala de reuniões da vice-governadora do Palácio Henrique de La Roque, em São Luís, tendo em vista as atividades diárias e demandas que envolvem a gestão de contratos para obras públicas, buscando debater e levantar propostas que levem a um melhor entendimento das finalidades e absorção das práticas, bem como a implementação de novas medidas que possibilitem aprimorar o andamento dos processos.

De acordo com a coordenação do evento, será possível alinhar e tirar dúvidas comuns aos funcionários que lidam com este tipo de ofício e responsabilidade mediante as discussões, além de capacitá-los com o apoio técnico da Companhia Brasileira de Projetos Empresariais – COBRAPE e ABDF – entidades fiscalizadoras de obras, com grandes inclinações para aquelas que que receberam recursos do BNDES – que cederam técnicos para participarem do evento como facilitadores.

“Este tipo de alinhamento é muito importante para que se possa eliminar percalços na gestão contratual, que é um dos grandes gargalos pelo qual as obras precisam passar antes de serem entregues. Então, no momento em que se busca aperfeiçoar este tipo de trâmite e a forma de fiscalização destas obras, representa um ganho muito maior no sentido de celeridade para conclusão destas obras em tempo hábil, representando economia e responsabilidade para com o uso correto de recursos públicos”, explicou uma das mediadoras, Rosana Albuquerque, que pertence a equipe do consórcio COBRAPE-STCP, órgão gerenciador de recursos do Banco Nacional de Desenvolvimento.

“O Seminário deverá gerar uma série de desdobramentos para que, num momento futuro, se busque outras oportunidades de discussões, visando qualificar ainda mais os profissionais da empresa na execução deste tipo de função”, explicou o gestor da UEP, Alexandre Rebelo Ferreira.

Compartilhe

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on linkedin
Share on telegram

Confira também nossas publicações

Veja todas nossas
edições anteriores