ANA elabora novas regras para uso do reservatório de Furnas

Valor Econômico
22/09/2021

Por Cibelle Bouças

A Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA) informou que elabora resolução que vai dispor sobre as condições para operação dos reservatórios doSistema Hídrico do Rio Grande, onde estão inseridos os reservatórios de Furnas e Marechal Mascarenhas de Moraes. O objetivo é garantir o uso dos reservatórios para geração de energia elétrica e outros usos, como transporte hidroviário, piscicultura e turismo, além de promover a segurança hídrica da bacia em meio à crise hídrica.

De acordo com a agência, as regras se darão nos mesmos moldes adotados nasbacias do Paraíba do Sul, do São Francisco e do Tocantins. A ANA estabeleceu níveis operacionais máximos e níveis mínimos normais para os reservatórios de hidrelétricas nessas bacias, com variações nos períodos chuvosos e períodos de seca.

A proposta de condições de operação será submetida a procedimento de Análise de Impacto Regulatório (AIR) e a consulta pública. “A elaboração de normas cumpre determinação da Lei n° 14.182, de 13 de julho de 2021, em seu Art. 28, de estabelecer condições operativas para os reservatórios do rio Grande, delimitando regras conforme faixas de operação”, informou a agência.

 

AESBE - Associação Brasileira das Empresas Estaduais de Saneamento

SCS - Quadra 01 - Bloco H - Edifício Morro Vermelho - 16º andar - CEP: 70399-900 - Brasília-DF - Tel/Fax.: 55 61 3022-9600

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?