Governo já mira em novos desafios na Câmara

BR18

23.05.2019 | 19h02

Após a aprovação da MP 870 na Câmara dos Deputados, o governo já avalia quais serão as próximas batalhas que terá de tratar na Casa Legislativa. E também avalia quais terão de ser os recuos estratégicos. Segundo a líder do governo no Congresso, Joice Hasselmann, o Planalto irá lutar para que a PLN 4, que trata da aprovação de crédito suplementar. O Executivo gostaria que até a próxima semana a Comissão Mista de Orçamento aprove o texto. O problema é que há ainda divergências, já que o relator Hildo Rocha (MDB-MA) gostaria de usar fundos do Banco Central. Já a equipe de Paulo Guedes gostaria de obter recursos com a emissão de Títulos do Tesouro Nacional. “Há uma pequena divergência, que não é tão pequena, de onde sairia o recurso. O relator (deputado Hildo Rocha) pensa em usar o fundo do Banco Central e a gente acha um pouco temeroso isso, estamos discutindo qual é o melhor caminho”, declarou a líder do governo.

Já o que está perdido é a MP do Saneamento. A medida, que instituiu um novo marco legal do saneamento básico no País, caduca no dia 3 de junho e Joice admite que não deve ser votada pelo plenário da Câmara. “Acho que a do Saneamento pouco provavelmente vamos aprová-la, infelizmente, porque o prazo ficou muito em cima da hora por conta dos erros que aconteceram nos últimos dias na Câmara”, declarou. Caso a MP perca a validade, o governo deve enviar um projeto de lei sobre o tema.

 

AESBE - Associação Brasileira das Empresas Estaduais de Saneamento

SCS - Quadra 01 - Bloco H - Edifício Morro Vermelho - 16º andar - CEP: 70399-900 - Brasília-DF - Tel/Fax.: 55 61 3022-9600

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

Create Account